Arrais Amador, Mestre e Capitão: Mas e aí, o que é?


Alou Maruj@s!

Temos recebido muitos novos contatos – ehhhh! \o/ – sobre vários assuntos diferentes. Além de várias perguntas sobre os novos produtos FUNtrack e o Rumo das Ilhas, muita gente mostrou interesse também nas habilitações de amador emitidas pela Marinha do Brasil. Mas aí a gente percebe uma coisa: a informação não é muito clara.

Então, para desmistificar essa etapa Importantíssima, resolvemos fazer um Post só sobre isso. Pronto? Não pisca, porque esse vai ser rápido, simples e objetivo!

 

Arrais Amador, o Primeiro Passo

Se você é brasileiro e não é Militar nem da Marinha Mercante, a única forma que sobra para você poder pilotar uma embarcação no Brasil é entrando nas categorias de Amador e Arrais Amador é a primeira delas. “Mas o que Arrais Amador” quer dizer? Arrais nada mais é do que Patrão, Comandante, Capitão. Ou seja, ser Arrais Amador quer dizer que você será Patrão da Embarcação de modo Amador, não profissional. Posso trabalhar com essa habilitação? Não, uai… é amador… 😛

“O que posso fazer com o Arrais Amador”? A primeira coisa a entender é que essa é uma habilitação para embarcações a Motor exceto jet skis. Então, você poderá pilotar qualquer embarcação com motor, independente do tamanho, desde que dentro de “águas abrigadas” que são rios, lagos, lagoas, baías.

Mas olha com atenção numa coisa: Poder não significa que você Vai. Como sempre reforçamos por aqui: experiência é importante e não é porque você Pode Pilotar um Iate de 50 metros como Arrais Amador que você vai fazer isso. Pratique, experimente, teste, pratique mais porque errar uma atracação e bater no píer com um bote de 100kg é beeeem diferente de bater no píer com um iate de 500 toneladas.

Para fazer a prova de Arrais Amador você precisa saber de algumas coisas que já listamos aqui no blog:

Meteorologia; Balizagem e Luzes de Navegação; RIPEAM; Segurança e Sobrevivência; RLESTA e Rádio VHF básico.

Além disso, você precisará de noções práticas de Comando e Manobra da embarcação que deverá ser atestado por um Certificado emitido por uma das instituições de ensino credenciadas pela Marinha.

Essa é a única habilitação (e a de jet ski – motonauta) que requer Conhecimento Prático. Mas ter o conhecimento prático, não quer dizer que tem prova prática, aliás, é a dúvida mais comum: Não. Não existe Prova Prática para Arrais Amador. Só a prova teórica com os tópicos listados ali em cima e você só precisa acertar 50% mas, por favor, acerte mais e estude bastante porque você estará responsável pela segurança de seus amigos, familiares e a segurança da gente também que está sempre navegando por aí. 🙂

Segue os links úteis:

Marinha do Brasil – Inscrição de Amadores

Marinha do Brasil – Requerimento de Inscrição

 

Mestre Amador, o Segundo Passo

Mas aí você quer ir além e navegar mais! A Baía de Guanabara já não é grande o suficiente para você e aí queremos ir velejando até Angra dos Reis e aproveitar as mais de 300 ilhas paradisíacas da região. Beleza! Você pode, desde que tenha a habilitação de Mestre Amador.

Nada mais é do que um Upgrade do Arrais para poder navegar além das Águas Interiores, ou abrigadas. É a famosa Navegação Costeira e para fazer isso você precisa entender de Cartas Náuticas, Rumos, Posições, Navegação Estimada, Maré, Radar e um pouco mais de Meteorologia, Balizagem e RIPEAM.

É difícil? Não, não é difícil, mas é uma prova que usa a Carta Náutica e as questões são interligadas o que obriga você a saber bem o que está fazendo. Por isso, a melhor forma de aprender é praticar.

A gente não fez ainda nenhuma postagem específica de Mestre Amador, mas já abordamos vários temas por aqui no Blog e o que postamos sobre RIPEAM e IALA é competíssimo e cobre o que cai no Mestre Amador. Outra coisa que criamos para facilitar seu caminho para essa habilitação é o FUN Track, uma experiência que exercita muita coisa de navegação costeira e carta náutica.

Modéstia a parte ( 😛 ) não existe nada no mercado brasileiro hoje mais interessante e completo do que o FUN Track para quem quer seguir um rumo maior e navegar horizontes mais amplos e a gente foi fundo adicionando conteúdos que puxamos de todos os treinamentos que fizemos no exterior também de acordo com as normas da Marinha Real de Sua Majestade, a Rainha Elizabeth. RS!! Mas é sério, incluímos muita coisa do RYA Offshore Yachtmaster

Link Útil para o Mestre Amador: clique aqui!

 

Capitão Amador: O Mar é Limite

É verdade, o capitão amador é a habilitação limite para amadores no Brasil e com ela você pode – literalmente – navegar por qualquer mar ou oceano porque aqui você aprende o que falta: Uso do Radar e GPS para Navegação Estimada, Navegação Astronômica, Estabilidade da Embarcação, Meteorologia, Comunicação (VHF) e Sobrevivência.

É mais difícil, mas não é impossível e muita gente passa na prova apenas lendo a bibliografia sugerida pela própria marinha. Além disso, existem inúmeros cursos online de navegação astronômica (ao nosso ver a parte mais difícil), e muita coisa para ler sobre isso também.

O legal da Prova de Capitão Amador é que as provas e gabaritos estão disponíveis na internet, e por isso é bem mais fácil estudar para a prova.

 

Mas e aí? Eu tenho que fazer tudo isso para finalmente poder velejar?

A resposta curta e grossa é Não. hehehehe. Você ser Capitão Amador não quer dizer que você sabe mais, é melhor, ou qualquer outra gradação de patente, é tudo Amador, meu amigo maruj@. A única real diferença é para onde você quer ir e estar habilitado para isso.

Para por a coisa de forma mais prática, vamos aos exemplos: se você sonha em correr regatas offshore, tipo a Rio-Santos ou a Buenos Aires-Rio você não precisa ter habilitação de Capitão Amador e a Mestre Amador já cumpre toda a necessidade das marinhas. No mesmo sentido, se você sonha em sair do Rio de Janeiro e ir velejando até o paraíso de Jericoacoara a mais de 3000km de distância advinha? Sua habilitação de Mestre Amador vai te levar até! 🙂 Aliás, o Brasil tem 8000km de costas e praias, é muita água para navegar! E mais ainda: dá para circunavegar o planeta sem nunca perder visão da costa. #FicaAdica! hehehehe 😛

Por outro lado, se você é mais das praias e navegação para você é relaxar velejando pelas ilhas da Baía da Ilha Grande, a sua habilitação de Arrais Amador é suficiente, o mesmo vale para Baía de Guanabara. Arrais Amador, molezinha!

E se você quer velejar até Fernando de Noronha ou Atravessar o Atlântico até a África, então você precisará da Habilitação de Capitão Amador. Bicho de sete cabeças? Não mesmo. É só ir estudando aos poucos e ir praticando porque se você já sabe onde quer chegar, você pode se preparar ao longo de todo o caminho, não é mesmo?

Então, o que vale mesmo é a Experiência para estar Apto – e habilitado – para encarar a Aventura Que Você Sonha e na dúvida lembre-se, estamos sempre por aqui para te ajudar! 🙂

Bons Ventos e boa Velejada!

 

compartilhe com outros marujos Facebook